Os aços para beneficiamento incluem-se entre os aços para construção mecânica e caracterizam-se por um teor de carbono geralmente situado acima de 0,25% podendo ser ligados ou não ligados.

Os aços para beneficiamento são empregados na fabricação de peças que requerem uma boa combinação de resistência e tenacidade, com valores relativamente uniformes em toda a seção ou até uma certa profundidade. Essas propriedades são obtidas por meio de têmpera e revenimento, que constituem o processo conhecido como beneficiamento.

A têmpera é um tratamento de endurecimento, capaz de produzir aumento das propriedades de resistência, provocando porém uma redução da tenacidade e da dutilidade. O revenimento tem por fim abrandar os efeitos da têmpera, melhorando a tenacidade e a dutilidade com um prejuízo comparativamente pequeno das propriedades de resistência.

Na escolha de um aço para beneficiamento, examinam-se inicialmente as propriedades mecânicas especificadas para a peça acabada, bem como suas características geométricas (forma e dimensões). É eventualmente necessário conhecer também a intensidade e a natureza das solicitações: estáticas ou dinâmicas, solicitações de impacto, solicitações de fadiga etc. De posse desses dados, faz-se uma seleção prévia dos aços capazes de satisfazer os requisitos especificados.

Mostrando todos os 4 resultados